Como aprender com fotos? Dicas criativas que vão ajudar na educação do seu filho

A imagem é uma ferramenta poderosa, pois pode ser explorada de inúmeras maneiras. Não é à toa, inclusive, que a fotografia já se tornou um recurso didático. Acredite: há diversas alternativas lúdicas e divertidas para usufruir de uma foto como instrumento de aprendizagem. Nesta matéria, vamos demonstrar como aprender com fotos!

Afinal, estudar brincando é sempre mais divertido, não é?

 

A fotografia como ferramenta de ensino

As possibilidades para lançar mão da imagem de uma maneira instrutiva são amplas. Junto de seus filhos, ou mesmo na sua própria infância, você certamente já deve ter se aventurado em um jogo da memória, buscando associar duas fotos idênticas, não é? O quebra-cabeça é outro exemplo interessante para ilustrar o que estamos dizendo.

Não há dúvidas de que, para as crianças, a foto é um elemento com potencial enorme para auxiliar no processo de desenvolvimento cognitivo. Mas há opções para ir além! Até mesmo adultos podem, através de fotografias, aprimorar um idioma ou dominar novas ferramentas.

Quer saber como? Então, siga a leitura e confira as dicas que reunimos abaixo.

Descubra como aprender com fotos de uma forma eficiente

Para demonstrar como a fotografia pode ser extremamente útil para auxiliar nos estudos, ou mesmo no uso de novas tecnologias, apresentamos abaixo três opções para você colocar em prática. São ideias criativas, por meio das quais você ou seu filho poderão aprender utilizando belas fotos como base do processo. Veja:

1. Monte um fotolivro e apresente as histórias em inglês

Elaborar seu próprio fotolivro – o álbum de fotos moderno – com as fotos da última viagem em família, ou do aniversário do seu filho, por si só, já é uma tarefa muito divertida. Mas você já pensou que esse material com design incrível também pode ser útil para praticar um novo idioma? Se seu pequeno está aprendendo inglês, por exemplo, uma sugestão é exercitar a fala apresentando a história das fotos nessa língua.

Uma boa dica, para deixar a inibição de lado, é convidar os amiguinhos do seu filho que também estejam aprendendo esse idioma para um lanche da tarde e fazer, junto com ele, a apresentação do fotolivro. É claro que isso não vale somente para o inglês, mas também para qualquer outro idioma que seu pequeno esteja estudando!

 

2. Experimente o jogo de adivinhação “Quem Sou Eu”?

Outra brincadeira muito divertida com fotos – e que pode auxiliar no processo de aprendizagem de um novo idioma, por exemplo – é o “Quem Sou Eu?”. Funciona assim: cada pessoa cola a fotografia de um famoso na testa e, portanto, não sabe “quem é”. A ideia do jogo é fazer perguntas acerca da aparência e personalidade do sujeito e tentar adivinhar, claro, “quem ele é”.

O bacana é que as perguntas podem ser feitas em um outro idioma. Um estímulo para as crianças treinarem a conversação, aprimorarem o vocabulário e a gramática. A brincadeira, claro, é garantia de boas risadas!

 

3. Edite suas fotos em diferentes apps

Sabemos que, com a ascensão das tecnologias, as fotografias estão cada vez mais em evidência no cenário digital. Mas se você não consegue acompanhar com seus filhos os avanços tecnológicos e tem até uma certa aversão a smartphones e tablets, saiba que brincar com a edição de imagens pode ser uma boa forma de se familiarizar com esses equipamentos.

Que tal brincar de editar suas fotografias em apps gratuitos como o VSCO ou Snapseed? São formas bacanas de dominar novos recursos tecnológicos.

 

4. Jogo da memória com fotos da família

Já pensou em criar um jogo da memória com fotos de toda a família para brincar com seus filhos? Além de exercitar a mente e trabalhar a concentração das crianças, você pode reviver momentos especiais com eles. Seja com fotos de aniversário, viagens ou batizado, a diversão é garantida. Imagina a reação deles ao verem suas próprias carinhas de bebês no jogo. Um mimo, não acha?

Montar o jogo é fácil. Separe todas as fotos reveladas da última viagem em família, por exemplo. Forme pares: fotos de cada um dos filhos, do marido com as crianças, da família no hotel. Em seguida, distribua todas as fotografias em cima de uma mesa e mostre os pares para as crianças. Vire as fotos e comece a brincar. Cada um terá que puxar pela memória para falar onde os pares estão.

5. Fotos de alimentos para estimular o paladar

Se você é mamãe, provavelmente já deve ter ouvido falar que estimular o paladar dos pequenos é muito importante! Agora, você já pensou que as fotografias podem ajudar muito nessa tarefa? Uma dica incrível é utilizar fotos dos alimentos enquanto você incentiva seu bebê a prová-los, para que ele possa associar cores, texturas e sabores.

E o melhor: fazer essa brincadeira é muito simples!

Enquanto o bebê estiver na cadeirinha, você seleciona as fotos dos alimentos e vai mostrando uma a uma para ele. Por exemplo: comece demonstrando a imagem de um limão e, em seguida, dê um pedacinho da fruta para ele provar. Provavelmente, o resultado vai ser engraçado! Já imaginou a carinha dele sentindo o gosto azedo?

Isso tudo faz parte do processo de desenvolvimento do paladar. Experimente intercalar uma frutinha mais azeda com outra mais doce, como a banana. Ou, ainda, com alguma que tenha um sabor salgado, como o tomate.

Pode parecer algo simples, mas esses detalhes vão ajudar seu pequeno a identificar diferentes sabores – e, claro, já ir aprendendo a se alimentar de forma saudável. Sem falar que, enquanto ele saboreia cada fruta e olha a fotografia, você pode fazer vários cliques das caretas dele, que vão ser super fofas!

6. Quebra-cabeça com fotos para a psicomotricidade

Quando seu bebê está crescendo, estimular a psicomotricidade é essencial. Aliás, você sabe o que significa essa palavrinha? Ela diz respeito à habilidade de integração entre as funções motoras e psíquicas do ser humano, que se desenvolvem conforme a maturidade do sistema nervoso.

Deixando a parte mais técnica e científica de lado, em uma explicação simples, incentivar a psicomotricidade significa oferecer à criança oportunidades de percepção de como seu corpo funciona. Assim, ela irá melhorar sua coordenação e, aos poucos, desenvolver sua própria autonomia.

E sabe qual é um dos joguinhos mais indicados para melhorar a psicomotricidade?

Sim! O quebra-cabeças. Através do desafio de juntar as imagens para compor uma fotografia, as crianças treinam a memória, a criatividade e suas habilidades motoras.

Mais legal ainda sabe o que é? Você pode montar um quebra-cabeças personalizado com as fotos que quiser! Basta selecionar seus cliques favoritos, fazer a revelação e depois cortar a foto em quatro ou cinco partes, para que seu filhote seja desafiado a montar.

7. Cofrinho com fotos para aprender a economizar

Você concorda que é importante ensinar seu filho a poupar desde cedo? A educação financeira, muitas vezes, é deixada de lado na formação dos pequenos. E isso é muito ruim! Afinal, é importante que as crianças saibam da importância de cuidar bem do seu dinheiro e dos sacrifícios que, muitas vezes, os pais precisam fazer por ele.

Mas como conscientizar seu filho sobre a importância de poupar de uma forma saudável e sem neuras?

As fotografias podem ser excelentes aliadas no processo! O cofrinho com fotos, por exemplo, é um ótimo acessório para estimular seu filhote a guardar cada moedinha que sobra do troco da merenda da escola ou das compras no supermercado.

Com um acessório todo personalizado, ele vai ficar super empolgado para cuidar com carinho do dinheiro – desde cedo.

Então, gostou das dicas? Se você curtiu esta matéria, aproveita para compartilhar com os amigos nas redes sociais!

Promoções